MARCADORES DE PESSOA E SISTEMA DE CASO EM TERENA - Relatório Parcial - Profa. Dra. Valéria Faria Cardoso

Pesquisa Written by  Terça, 05 Abril 2016 00:00 font size decrease font size increase font size
Rate this item
(0 votes)

RELATÓRIO PARCIAL DE PESQUISA PÓS-DOUTORAL

 

A) TÍTULO DO PROJETO DE PESQUISA:

MARCADORES DE PESSOA E SISTEMA DE CASO EM TERENA

 

B) NOME COMPLETO DO COORDENADOR DO PROJETO E DOS INTEGRANTES DA EQUIPE EXECUTORA:

 

VALÉRIA FARIA CARDOSO – COLABORADORA (BOLSISTA PÓS-DOUTORAL/UNEMAT – CAPES/PNDN

 

 

 

MARLON LEAL RODRIGUES – COORDENADOR CORRESPONSÁVEL (UEMS/NEAD)

 

ELISÂNGELA LEAL DA SILVA AMARAL - COLABORADORA (UEMS)

ROSIMAR REGINA RODRIGUES DE OLIVEIRA – COLABORADORA (UEMS – FUNDECT/CNPq).

 

C) RESUMO.

 

No Brasil, pesquisas linguísticas sobre línguas americanistas tem-se efetivado tanto qualitativamente, quanto quantitativamente. Atualmente, os estudos linguísticos e antropológicos tem sido o anseio de jovens indígenas que saem de suas comunidades para graduar-se, e então, retornar à comunidades na qual passam a trabalhar, ministrando aulas em escolas de ensino bilíngue. Todavia, em menor quantidade, esses graduados buscam a qualificação para os seus estudos e, em geral, cursam Pós-graduação Lato Sensu. Em menor número, conseguem realizar suas pesquisas em nível Stricto Sensu, bem como em nível de Doutoramento. No intuito dar início à processos de qualificação indígena, a Universidade Estadual de Mato Grosso (UEMS- Campo Grande), por intermédio do Prof. Dr. Marlon Leal Rodrigues e demais membros executores do projeto, oferece a partir de 2016, a I. Especialização sobre Língua e Cultura Terena. Desta feita, renova-se os objetivos desta pesquisa linguística (de nível Pós-Doutoral) tendo em vista a necessidade de se subsidiar estudos na área de Língua Indígenas, porém não mais sobre a língua kaiowá (guarani), mas sim a língua terena (aruak), buscando cumprir com o anseio de comunidades Terena do Estado de Mato Grosso do Sul (MS) que, pleiteiam junto à UEMS, a oferta de Cursos de Especialização voltado, especificamente, para a língua/cultura Terena. Assim sendo, passa-se a identificar como objeto de pesquisa: a gramática da língua terena, mais especificamente, os MARCADORES DE PESSOA E SISTEMA DE CASO EM TERENA (ARUAK), que abrangem o funcionamento de distintas propriedades morfossintáticas da língua. Por fim, salienta-se que o presente projeto de pesquisa sobre 2

 

aspectos da gramática da língua terena é objeto de estudo da pesquisa Pós-Doutoral (UEMS/Unemat/CAPES), no entanto também é preparativo para elaboração de disciplinas nucleares da Linguística, sendo que essa será aplicada ao exame da língua terena. Os trabalhos serão efetivados com a parceira de outros pesquisadores da UEMS (Núcleo NEAD-CEPAD)/Unemat. Todos em prol da realização do Curso de Especialização sobre Língua e Cultura Terena.

 

PALAVRAS-CHAVE: Línguas Indígenas. Terena (Aruak). Marcadores de Pessoa. Sistema de Caso.

Read 3645 times Last modified on Quarta, 06 Abril 2016 13:42